terça-feira 31 de janeiro de 2023

Unidade Popular convoca protesto na porta da Equatorial para esta quarta-feira

3 de março de 2020 3:01 por Marcos Berillo

Diante dos numerosos relatos e denúncias de consumidores sobre o tratamento que recebem da Equatorial, o partido Unidade Popular convoca a população para um protesto à porta da  empresa, nesta quarta-feira, 4, às 16 horas.

De acordo com o diretório estadual da UP, a promessa de mais eficiência e rapidez no atendimento, após a privatização, não se concretizou. O partido afirma que, ao contrário, os medidores foram trocados e as contas trouxeram cobranças de supostos erros de leitura em valores exorbitantes para o consumidor.

“Traga seu cartaz, sua conta, sua reclamação. Vamos acender os holofotes para que a sociedade enxergue o que está acontecendo”, convida Lenilda Luna, do diretório estadual da Unidade Popular. Segundo o partido, com a Equatorial, “não tem conversa”.

“O aviso de corte chega antes do trabalhador conseguir pensar em como resolver a questão. A agilidade é registrada nesse momento, na rapidez com que os funcionários que fazem o corte se apresentam para garantir os lucros dos patrões”, denuncia.

Denúncias

Conforme apurou a UPP, no site Reclame Aqui, por exemplo, há um relato de uma consumidora de Rio Largo que pagava uma conta mensal entre R$ 70 e R$ 80. Após a troca do medidor, a tarifa de fevereiro deste ano foi de R$ 411

“Liguei para eles e me informaram que a cobrança foi devido ao medidor antigo que estava contando errado, após a troca por um novo ele fizeram um cálculo do que deixou de ser cobrado e adicionaram  na conta atual, gerando um valor absurdo”, relatou a consumidora.

Esta cobrança muito acima do valor que a consumidora vinha pagando, sem aviso prévio, sem negociação, sem explicar os critério do cálculo. “A empresa não leva em consideração que os trabalhadores mal conseguem esticar os salários para pagar todas as obrigações e não podem ser surpreendidos desta forma”, crítica Magno Francisco, presidente da UP Alagoas.

Sites registram diversas denúncias de consumidores contra a empresa

Privatização

A Eletrobras Alagoas foi arrematada em leilão realizado no final de dezembro de 2018. A Equatorial Energia foi a única empresa a apresentar proposta comprando a empresa de energia de Alagoas por R$ 50 mil.

Mais lidas

Na luta contra o terrorismo PM’s alagoanos vão reforçar segurança em Brasília

3 de março de 2020 3:01 por Marcos Berillo Cinquenta policiais militares alagoanos já

Pré-matrícula para alunos novatos começa dia 16 de janeiro

3 de março de 2020 3:01 por Marcos Berillo A pré-matrícula para novatos da

Sidarta: A necessária lucidez sobre as drogas

3 de março de 2020 3:01 por Marcos Berillo Por Inês Castilho, do Outras

O maior assalto da história ao cofres da Petrobras

3 de março de 2020 3:01 por Marcos Berillo Para onde está indo o

Bolsonaro e Silvestre Péricles fazem ‘pegadinhas’ para sucessores nos palácios

3 de março de 2020 3:01 por Marcos Berillo O primeiro dia do presidente

Inep publica o cronograma para o Enem 2023

3 de março de 2020 3:01 por Marcos Berillo          

‘’A gente quer comida, diversão e arte’’, Margareth Menezes tomará posse do cargo de ministra

3 de março de 2020 3:01 por Marcos Berillo   A cantora baiana, muito

Governo Lula mantém MP que zera impostos sobre preços dos combustíveis até fevereiro

3 de março de 2020 3:01 por Marcos Berillo Apesar do receio de muitos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *