Jovem alagoano tem trabalho aceito em Jornal Europeu de Neurologia

1

10 de julho de 2020 por Redação

Gabriel Lessa de Souza Maia, de apenas 21 anos, acadêmico do segundo período de Medicina na Unit (Centro Universitário Tiradentes) teve seu trabalho aceito por um dos mais tradicionais jornais de ciência da Europa, o European Journal of Neurology.

O trabalho do jovem intitulado de “Understanding the Stone of Madness and it’s philosophical impact on the ethics of neurology” deveria ter sido apresentado no Sexto Congresso da Academia Europeia de Neurologia, em Paris, no dia 23 de maio. Todavia, devido á pandemia do Covid-19, foi apresentado virtualmente na mesma data. O trabalho está disponível no 27° volume do jornal, no suplemento 1, página 1292

Gabriel diz que em sua pesquisa “aborda o conceito de “Pedra da Loucura”, uma pedra hipotética, causadora de patologias mentais, que se acreditava existir no crânio de pessoas com desordens de instâncias neurológicas ou psiquiátricas, e seu impacto na construção da visão do médico, especificamente o neurologista, nos dias atuais”.

“Fiz uma análise a partir da literatura da época e também em relatos árabes, mas focando na produção europeia medieval. Também analisei pinturas de artistas do período renascentista, que mostravam a prática da trepanação, uma incisão cirúrgica para remover essa pedra. Um dos artistas que posso destacar é o holandês Hieronymus Bosch, que retrata o médico, então chamado de “barbeiro”, como um “charlatão”, complementa Gabriel.

1 comentário

Deixe uma resposta