ABCAA divulga primeiros detalhes sobre 20ª edição do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

0
Por Vanderlei Tenorio

Recentemente, a Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais (ABCAA), divulgou a lista com os finalistas da 20ª edição do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, que está confirmado para o dia 28 de novembro, com cerimônia transmitida ao vivo pela TV Cultura.

Os finalistas concorrem em 31 categorias e foram escolhidos em votação pelos sócios da Academia. A Academia divulgou que “Boca de Ouro”, de Daniel Filho, e “Pacarrete”, de Allan Deberton, são os longas com maior número de indicações (15), seguidos de “A Divisão – O Filme”, de Vicente Amorim (8).

Pôster internacional de Pacarrette

Este ano, a lista de finalistas reúne mais de 900 profissionais indicados, sendo 20 longas-metragens brasileiros e 10 longas estrangeiros (5 de ficção, 5 documentários, 6 de comédia, 2 infantis, 2 de animação, 5 internacionais e 5 ibero-americanos). Ao todo, também estão na disputa 18 curtas brasileiros (6 de ficção, 7 documentários e 5 de animação); e 16 séries (3 de animação para TV paga/OTT, 5 documentários para TV paga/OTT, 5 ficção TV paga/OTT, 3 ficção TV aberta). 

A Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais destaca que o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro é votado por profissionais das mais diversas áreas do setor que são associados à Academia, entidade aberta a toda a classe. A instituição frisa que como acontece todos os anos, a abertura dos envelopes com os vencedores será auditada pela PwC – a mesma que faz a apuração do Oscar, e transmitida ao vivo – e o Troféu Grande Otelo será entregue diretamente na casa de cada um deles, depois da premiação.

“O Grande Prêmio do Cinema Brasileiro celebra a diversidade da nossa indústria, representada por todas as gerações de realizadores do país inteiro. E tem como tema, este ano, a preservação e a memória do audiovisual”, diz Jorge Peregrino, presidente da Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais.

A Academia realizou um levantamento que constatou que, em 2021, foram inscritos 45 longas de ficção (incluindo infantis e animação), 20 longas documentários, 51 curtas-metragens, 44 séries brasileiras, 35 longas-metragens internacionais, 6 longas ibero-americanos. A instituição enfatiza que os vencedores serão escolhidos no segundo turno, com votação entre os sócios da Academia. Entretanto, lembra que o público pode eleger seu filme favorito entre os longas brasileiros finalistas de ficção (drama e comédia) e documentário, a votação começa no dia 28 de outubro, pela internet.

Divulgação

O Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2021 tem patrocínio da Sabesp através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é correalizado com a Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e Spcine, e conta com a realização da Secretaria Especial da Cultura e Ministério do Turismo, e da Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais.

 

* Com informações cedidas por Eloah Bandeira.

Deixe uma resposta