Privatizar água e saneamento foi um “equívoco” do governo alagoano, diz Paulão

“Água é vida e não deve ser negada a ninguém”, afirmou deputado, após criticar má qualidade dos serviços

1
Por Da Redação

O deputado federal Paulão discursa na Câmara dos Deputados | Agência Câmara/Arquivo

O deputado federal Paulo Fernando dos Santos, o “Paulão” (PT), usou a tribuna da Câmara dos Deputados para tecer duras críticas à privatização dos serviços de fornecimento de água e saneamento em Maceió e região metropolitana, totalizando 13 municípios.

Desde julho deste ano, a concessão é da BRK Ambiental. De acordo com Paulão, conceder parte da Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) a uma empresa privada foi um “equívoco” do governo alagoano.

Em seu discurso, Paulão disse que o serviço foi entregue a uma “empresa que não está prestando um serviço adequado à população de vários bairros alagoanos. Em um deles, uma moradora fez um protesto para cobrar um posicionamento das autoridades. É preciso que esta empresa, que só visa o lucro, tenha responsabilidade com a população”, declarou.

Após prestar solidariedade aos moradores “que vêm sofrendo com essa negligência”, Paulão concluiu que “água é vida e não deve ser negada a ninguém”.

Veja trecho do discurso:

 

1 comentário

Deixe uma resposta