Museu Floriano Peixoto recebe exposição sobre forró até 15 de julho

Pesquisa conta detalhes da vida e profissão de 37 artistas que dedicaram suas carreiras ao ritmo tipicamente nordestino

0

Museu Palácio Floriano Peixoto | Francisco Aragão

O Museu Palácio Floriano Peixoto (Mupa) recebe a exposição “Forró Para Todos” até o próximo dia 15 de julho. A curadoria e pesquisa são de Maria João Abreu e Dimas Marques. . A pesquisa conta detalhes da vida e profissão de 37 artistas que dedicaram suas carreiras ao ritmo tipicamente nordestino.

“O forró alagoano é um dos principais do Brasil, exportamos aqui nomes do maior calibre histórico e cultural que este país já viu”, disse Dimas Marques. O som do triângulo, sanfona e zabumba que caracteriza o ritmo, também se relaciona com a dança, uma vez que o movimento do corpo está diretamente relacionado à situação em que se originou.

O chão de terra batida das pistas de dança no século XIX eram molhados e os pés arrastados para que a poeira não subisse, assim foi formando-se a dança popularmente conhecida como o “arrasta-pé”. A exposição aborda essa peculiaridade e ainda ensina como reproduzir tal dança.

“Acho interessante vir visitar, conhecer um pouco do forró de Alagoas e poder ter uma noção do grande número de artistas que Alagoas tem.” convidou a curadora da exposição, Maria João Abreu. O Mupa fica localizado na Praça dos Martírios, no centro de Maceió, e recebe visitação de segunda a sexta, das 9h às 16h.

Deixe uma resposta