segunda-feira 15 de julho de 2024

Alexandre de Moraes merece o título de cidadão alagoano concedido pela ALE

No STF e no TRE, ministro tem reagido de forma corajosa contra quem ataca a democracia brasileira

19 de dezembro de 2022 4:57 por Redação

Responsável por suspender Telegram no Brasil, ministro Alexandre de Moraes conduz inquérito sobre fake news no STF | Nelson Jr./STF

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Alexandre de Moraes, é a personalidade mais importante do Brasil na atualidade.

Moraes tem se postado na defesa da democracia e do processo eleitoral com uma determinação nunca vista no país – é necessário um recorte histórico: em 1985 teve início a Nova República, com a transição para a democracia e, em 1988, com a promulgação da Carta Magna, uma nova ordem constitucional passou a vigorar.

A balbúrdia alimentada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), antecipando a possibilidade de ser derrotado nas urnas, tentou levantar dúvidas sobre o processo eleitoral, principalmente, quanto à segurança das urnas eletrônicas.

Bolsonaro procura ameaçar o país com golpe de Estado e encontra, no ministro da Defesa, general Paulo Sérgio Nogueira, um fiel escudeiro do teatro do absurdo que foi a tentativa de desacreditar, sem indícios mínimos, as urnas eletrônicas.

A farsa política foi revelada ontem, 9, através de um relatório das Forças Armadas, segundo o qual o sistema de votação eletrônico é seguro.

A firmeza com que o TSE e seu presidente, ministro Alexandre de Moraes, conduziu as eleições e proclamou os vencedores poucas horas após o encerramento da votação, momento de profunda apreensão, teve reconhecimento imediato das principais democracias mundiais.

O isolamento político com o resultado das eleições, a vitória incontestável de Lula é, também, a consagração da democracia brasileira, que tem sido torpedeada pela extrema-direita nacional e internacional.

A figura do ministro Alexandre de Moraes é digna do reconhecimento dos democratas. Já a faixa da sociedade que não reconhece a democracia e torpedeia a Constituição federal passou a ser o alvo do TSE na qualidade de criminosos e, outros, tratados como membros de organização criminosa no âmbito nacional, e vêm sendo investigados pelos órgãos de inteligência.

Estabelecer tolerância zero a quem age contra a Constituição e a democracia terá, segundo o ministro, punição na forma da lei.

Esse é um capítulo novo na história recente do Brasil. A Constituição Federal, assim como a República, são sagradas na democracia e quem se insurgir ou atentar contra elas deve ser punido.

Reconhecimento

A Assembleia Legislativa de Alagoas reconhece, ao aprovar o título de cidadão honorário, iniciativa do deputado Ronaldo Medeiros (PT), o papel histórico de Alexandre de Moraes e a sua coragem pessoal ao enfrentar a maior máquina montada pelo Estado brasileiro para fraudar as eleições de 2022.

Em quatro anos, Bolsonaro praticou as maiores barbaridades contra a sociedade ao instrumentalizar instituições do Estado como o Ministério Público Federal (uma parcela, é bem verdade), as polícias Federal (PF) e Rodoviária Federal (PRF), que agiram como polícia política a serviço do presidente da República, além de desmontar áreas vitais do Estado como os órgãos de controle. Para ficar nesses casos, pois, tem muitos outros.

Por tudo isso, é que Alexandre de Moraes merece o título de cidadão honorário de Alagoas, o que vai criar um sentimento de orgulho em todos os alagoanos.

A democracia se conquista com luta e para mantê-la viva, pulsante para tanto requer sacrifícios, muitas vezes, pessoais, além dos sacrifícios coletivos.

Mais lidas

Além da pressão dos aliados, JHC tem agora que enfrentar ação no MP por R$

19 de dezembro de 2022 4:57 por Redação Na busca para reeleger-se, o prefeito

Alagoas conta com Núcleos de Apoio ao Fumante em 13 municípios

19 de dezembro de 2022 4:57 por Redação Com o objetivo de ajudar tabagistas

STF volta a julgar recurso de Collor para anular condenação por corrupção na Lava-Jato

19 de dezembro de 2022 4:57 por Redação O Supremo Tribunal Federal (STF) voltou

Marielle: a quem se destina a terra?

19 de dezembro de 2022 4:57 por Redação Por Eliane Brum, do portal Sumauma

CPI da Braskem tem 35 dias para concluir investigação, que inclui visita aos bairros destruídos

19 de dezembro de 2022 4:57 por Redação Com o objetivo de investigar a

Sem declarar IR cidadão não pode sequer receber prêmio de loteria que, acumulada, hoje sorteia

19 de dezembro de 2022 4:57 por Redação O prazo para entrega da Declaração

Risco de morte após a febre chikungunya continua por até 84 dias, diz Fiocruz

19 de dezembro de 2022 4:57 por Redação Em meio à epidemia de dengue e

Saúde volta a alertar alagoanos sobre medidas de prevenção contra a dengue

19 de dezembro de 2022 4:57 por Redação A Secretaria de Estado de Alagoas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *