terça-feira 28 de maio de 2024

Desenvolvimento Sustentável começa a usar varredeira elétrica para limpeza da orla

Equipamento é comandando por garis e irá agilizar limpeza da ciclovia e calçadão

26 de dezembro de 2022 10:48 por Da Redação

Desenvolvimento Sustentável começa a usar varredeira elétrica para limpeza da orla | Ascom Sudes

A Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes) iniciou, nesse fim de semana, o uso de uma varredeira elétrica, equipamento capaz de atuar em diversas superfícies e realizar uma limpeza eficiente, mesmo em áreas extensas. Com isso, os garis passam a utilizar o equipamento na limpeza urbana de espaços como calçadão da orla, ciclovia e praças.

A máquina, que é comandada por um gari, coleta resíduos pela vassoura central para um depósito com capacidade de 135 litros e conta com uma varredeira de sucção que, graças ao seu sistema de filtragem, é capaz de garantir a filtragem total de poeira fina, mesmo na ausência de água, liberando ar limpo no ambiente durante toda a operação.

Foto: Ascom Sudes

O equipamento é ecologicamente correto, pois possui todas as suas funções elétricas e o seu ruído reduzido só aparece quando há contato das vassouras no solo, possibilitando, portanto, operação em período diurno e noturno.

Ronaldo Farias, superintendente da Sudes, afirma que Maceió está aperfeiçoando a limpeza urbana, trazendo equipamentos novos e tecnológicos, visando eficiência nos serviços realizados na capital.

“Fizemos uma viagem a São Paulo para conhecer práticas e tecnologias que dão certo em outras capitais do país. Sendo assim, temos muitos planos para Maceió. A cidade merece todo cuidado possível e iremos trabalhar intensamente para que isso seja feito. A varredeira elétrica irá facilitar alguns serviços de limpeza e beneficiar visitantes e maceioenses que buscam nossas beleza naturais”, disse.

No final do mês de novembro, a Sudes já havia posto em funcionamento o Caminhão Varredeira, equipamento similar a varredeira elétrica, mas com capacidade de remover do ambiente em que circula areia, folhas, galhos, embalagens descartadas incorretamente pelos transeuntes (como latas de alumínio e sacolas plásticas), entre outros resíduos.

“Foram equipamentos que a gestão da Sudes conheceu em um evento de tecnologia para limpeza urbana. Ambos possuem eficiência e economia nos serviços que realizam, sendo bastante úteis para nós. Trabalharemos para aperfeiçoar ainda mais nossos serviços e manter Maceió cada vez mais preservada”, completou o superintendente.

Fonte: Secom Maceió

Mais lidas

Marielle: a quem se destina a terra?

26 de dezembro de 2022 10:48 por Da Redação Por Eliane Brum, do portal

CPI da Braskem tem 35 dias para concluir investigação, que inclui visita aos bairros destruídos

26 de dezembro de 2022 10:48 por Da Redação Com o objetivo de investigar

Sem declarar IR cidadão não pode sequer receber prêmio de loteria que, acumulada, hoje sorteia

26 de dezembro de 2022 10:48 por Da Redação O prazo para entrega da

Risco de morte após a febre chikungunya continua por até 84 dias, diz Fiocruz

26 de dezembro de 2022 10:48 por Da Redação Em meio à epidemia de dengue

Saúde volta a alertar alagoanos sobre medidas de prevenção contra a dengue

26 de dezembro de 2022 10:48 por Da Redação A Secretaria de Estado de

PF indicia filho de Bolsonaro por falsidade ideológica e lavagem de dinheiro

26 de dezembro de 2022 10:48 por Da Redação A Polícia Federal em Brasília

FAEC anuncia calendário anual de eventos esportivos para o público escolar

26 de dezembro de 2022 10:48 por Da Redação A Federação Alagoana de Esportes

Bar do Doquinha: o lar enluarado da boemia

26 de dezembro de 2022 10:48 por Da Redação Por Stanley de Carvalho* Há

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *