sábado 20 de abril de 2024

Dos livro que li – Véspera (Carla Madeira)

Véspera, é um romance envolvente, daqueles em que o leitor vai sendo enredado pela habilidade narrativa da autora e pela construção minuciosa das personagens.

Carla Madeira é uma autora mineira, que largou um curso de matemática e se formou em jornalismo e publicidade. Véspera é o seu terceiro livro, lançado em 2021, após o considerável sucesso do primeiro tudo É Rio (2014) e o não menos exitoso A Natureza da Mordida, lançado em 2018.

 

Véspera, é um romance envolvente, daqueles em que o leitor vai sendo enredado pela habilidade narrativa da autora e pela construção minuciosa das personagens. As 278 páginas são facilmente consumidas, pelo vai e vem do núcleo dos personagens, que se revezam brilhantemente em capítulos distintos. Esse tipo de estrutura funciona muitíssimo bem, posto que conduzida por uma escritora do naipe de Carla Madeira, uma artífice das palavras, que sabe capturar o leitor, como as redes capturam o peixe em alto mar.

 

Logo nos primeiros capítulos, a autora demonstra toda sua criatividade, usando as personagens bíblicas, Caim e Abel, como referências no desenrolar da trama, na qual, o pai, para se vingar da esposa, registra em cartório os nomes bíblicos para os filhos gêmeos, frutos de uma precária união matrimonial. A carga emocional que todos carregam, a partir da escolha do pai, para os nomes das crianças, tenciona o romance do começo ao fim.

 

Os vários núcleos de personagens se conectam entre si e fazem o todo da trama ser criativo, inteligente, envolvente e muito bem urdido. A certa altura do romance, a autora coloca em cena o abandono de uma criança de apenas seis anos de idade, deixada pela própria mãe na calçada de uma grande avenida. Esta, por sua vez, é casada com Abel, um dos gêmeos. Aliás, o que não falta nessa turma toda são problemas psicológicos, que delineiam a criação dos personagens.

 

Porém, engana-se quem pensar que Véspera é um romance duro, seco e frio. A prosa poética de Carla Madeira fica evidente no trato refinado das palavras e nas frases bem elaboradas e precisas. ”Tenho pra mim que o grande talento dele é a curiosidade, além do senso de humor, que é de longe a melhor inteligência que se pode ter.” Ou quando escreve: “A confirmação de uma suspeita é sempre um excesso de realidade”. Nesse caso, para mim, a suspeita sobre Véspera tornou-se uma deliciosa realidade!

No +, MÚSICABOAEMSUAVIDA!!!

Mais lidas

CPI da Braskem tem 35 dias para concluir investigação, que inclui visita aos bairros destruídos

Com o objetivo de investigar a responsabilidade jurídica e socioambiental da mineradora Braskem no

Sem declarar IR cidadão não pode sequer receber prêmio de loteria que, acumulada, hoje sorteia

O prazo para entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (DIRPF) em

Risco de morte após a febre chikungunya continua por até 84 dias, diz Fiocruz

Em meio à epidemia de dengue e ao aumento de casos por febre chikungunya, um

Saúde volta a alertar alagoanos sobre medidas de prevenção contra a dengue

A Secretaria de Estado de Alagoas (Sesau) volta a alertar a população alagoana sobre

PF indicia filho de Bolsonaro por falsidade ideológica e lavagem de dinheiro

A Polícia Federal em Brasília indiciou Jair Renan Bolsonaro, filho do ex-presidente Bolsonaro, pelos

FAEC anuncia calendário anual de eventos esportivos para o público escolar

A Federação Alagoana de Esportes Colegiais (FAEC) anunciou o calendário anual de eventos para

Bar do Doquinha: o lar enluarado da boemia

Por Stanley de Carvalho* Há 60 anos, quando os portões de Brasília começaram a

Seduc anuncia processo seletivo para a Educação Especial

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) divulgou no último dia 6, no Suplemento

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *