terça-feira 28 de maio de 2024

Área do entorno do Porto de Maceió será requalificada

Assinatura da Ordem de Serviço acontece nesta sexta (15)
Foto: Juliete Santos/Secom Maceió

Com o objetivo de integrar ainda mais o Porto de Maceió à cidade, se tornando um equipamento urbano e turístico, a Administração do Porto de Maceió (APMC) vai ceder a área do entorno do Porto ao município de Maceió para que seja realizada uma requalificação. O termo de cessão não-onerosa de uso, assim como a Ordem de Serviço para as obras, serão assinados nesta sexta-feira (15), às 9h, durante solenidade no Porto de Maceió, no bairro do Jaraguá. Estarão presentes o Administrador da APMC, Diogo Holanda, o Ministro dos Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, e o prefeito de Maceió, JHC.

O projeto, que conta com área total construída de 24.70133m², prevê a instalação de calçadão, ciclovia, equipamentos de ginástica, deck para paisagismo, mobiliário de playground em madeira, pista de cooper e vegetação de médio e grande portes.

De acordo com o Administrador do Porto de Maceió, a requalificação da área vai garantir a valorização da área de todo o entorno do Porto, além de promover uma melhor relação do Porto com a cidade, o que é uma das prioridades da autoridade portuária.

“Essa integração com a área urbana é muito importante para nós. O Porto de Maceió conta com uma localização estratégica, no coração de Maceió, e nada mais justo do que garantir que a população e os turistas possam aproveitar esses espaços de uma nova forma. Para o Porto, é um marco de desenvolvimento e de valorização da nossa área. Acredito que é um ganho para todos os envolvidos e, principalmente, para os maceioenses”, afirmou Diogo Holanda, ressaltando que a segurança dos arrendatários e dos trabalhadores portuários está sendo priorizada em todo projeto.

Fonte: Assessoria

Mais lidas

Marielle: a quem se destina a terra?

Por Eliane Brum, do portal Sumauma “Quem possui a terra possui o homem.” Essa

CPI da Braskem tem 35 dias para concluir investigação, que inclui visita aos bairros destruídos

Com o objetivo de investigar a responsabilidade jurídica e socioambiental da mineradora Braskem no

Sem declarar IR cidadão não pode sequer receber prêmio de loteria que, acumulada, hoje sorteia

O prazo para entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (DIRPF) em

Risco de morte após a febre chikungunya continua por até 84 dias, diz Fiocruz

Em meio à epidemia de dengue e ao aumento de casos por febre chikungunya, um

Saúde volta a alertar alagoanos sobre medidas de prevenção contra a dengue

A Secretaria de Estado de Alagoas (Sesau) volta a alertar a população alagoana sobre

PF indicia filho de Bolsonaro por falsidade ideológica e lavagem de dinheiro

A Polícia Federal em Brasília indiciou Jair Renan Bolsonaro, filho do ex-presidente Bolsonaro, pelos

FAEC anuncia calendário anual de eventos esportivos para o público escolar

A Federação Alagoana de Esportes Colegiais (FAEC) anunciou o calendário anual de eventos para

Bar do Doquinha: o lar enluarado da boemia

Por Stanley de Carvalho* Há 60 anos, quando os portões de Brasília começaram a

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *