Jovem surdo vence barreiras e se forma em engenharia ambiental

Para Paulo Victor, fim da graduação é apenas o início de uma nova trajetória

0
Por Da Redação

Paulo Victor Santos colou grau na última segunda-feira (10) | Assessoria

Foram cinco anos de graduação para, ao final, vencer obstáculos e conquistar o diploma. Essa é a história de Paulo Victor Santos, o primeiro aluno surdo a concluir o curso de Engenharia Ambiental na Unit. Ele colou grau na última segunda-feira (10).

Durante os estudos, ele foi acompanhado pelo Núcleo de Apoio Pedagógico e Psicossocial (Napps). “A graduação, para mim, é hoje algo feito com excelência. Me sinto vitorioso. O fim desses cinco anos de trajetória acadêmica não me traz um sentimento de conclusão e sim de continuidade (…). A academia me proporcionou todo o suporte para que eu pudesse hoje, com muito orgulho, ser um engenheiro ambiental. A colação é para mim a conclusão de um sonho e o início de outro”, declarou Paulo Victor.

Projeto de Startup

Ainda durante sua graduação, Paulo Victor criou e lançou a Startup T-Hand (Teaching Hand). Junto ao seu professor e mentor Sérgio Accioly, ele participou do 15º Congresso Latino-americano de Software Livre e Tecnologias Abertas, que aconteceu em 2018 no Centro de Convenções de Foz do Iguaçu (Ceconfi). Durante o evento, ele também esteve acompanhado da intérprete Cláudia Nascimento.

Em 2021, a startup foi selecionada em primeiro lugar na “Demo Day Startup University: Time de Investidores”.

O Teaching Hand é uma plataforma educacional online que permitirá o acesso para a realização de exercícios intelectivos que, através de ilustrações, tem o intuito de desenvolver a gramática da Língua Portuguesa, como segunda língua (L2), para as crianças surdas. Saiba mais sobre o projeto em https://teachinghand.wixsite.com/teachinghand.

*Com assessoria

Deixe uma resposta