sábado 20 de abril de 2024

Parceria entre ministérios do Turismo e dos Povos Indígenas vai desenvolver turismo étnico

Primeira ação em conjunto será projeto Experiências do Brasil Original, que vai apoiar a estruturação de roteiros turísticos em comunidades tradicionais do país
Ministra do Turismo se reúne com ministra dos Povos Indígenas | Roberto Castro/MTur

Uma reunião na última quarta-feira (15) entre as ministras do Turismo, Daniela Carneiro, e dos Povos Indígenas, Sonia Guajajara, selou o início de uma parceria para fomentar o turismo de base comunitária em comunidades indígenas, preservando as tradições locais. A prática da atividade de forma sustentável permitirá a geração de emprego e renda das comunidades que optarem por aderir à iniciativa.

“Esse é um turismo desenvolvido integralmente tendo como base os três pilares da sustentabilidade – ambiental, econômico e social – e que atende a um anseio da sociedade de buscar cada vez mais o turismo de experiência e que valoriza fortemente os saberes locais. Então, acredito que o turismo pode ser um grande aliado dos povos indígenas”, avaliou a ministra do Turismo, Daniela Carneiro.

Slide 1
Slide 2

Na ocasião, a ministra Sonia Guajajara aceitou o convite da ministra Daniela Carneiro para participar, no próximo dia 23 de março, de um evento em Sergipe para lançar a inciativa Experiências do Brasil Original, que contará, ainda, com a parceria dos ministérios da Igualdade Racial e do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar. O projeto apoiará a estruturação de roteiros turísticos em comunidades tradicionais do país, valorizando e conferindo visibilidade a indígenas e quilombolas.

A iniciativa prevê ações de diagnóstico, capacitação, estruturação e comercialização, possibilitando também a inserção de produtos e serviços e fortalecendo o turismo de base comunitária, tendo como foco empreendimentos e experiências lideradas por mulheres.

“Temos uma série de oportunidades. É muito interessante essa parceria com o Ministério do Turismo e nossas comunidades precisam de apoio. Temos várias realidades no Nordeste, no Sul, Centro-Oeste, Sudeste, por exemplo. São áreas que podemos estruturar e valorizar, desde à agricultura, gastronomia ao artesanato, gerando renda e promovendo a cultura”, comentou a ministra dos Povos Indígenas, Sonia Guajajara.

Funai

Outra ação prevista é uma parceria com a Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai) para incentivar ações que promovam o ecoturismo e o etnoturismo de base comunitária em Terras Indígenas, de forma responsável, contribuindo para a valorização da sociobiodiversidade, da história e das culturas, a equidade social, o protagonismo comunitário, a salvaguarda das tradições, dos costumes, dos saberes e fazeres indígenas, entre outros.

Mais lidas

CPI da Braskem tem 35 dias para concluir investigação, que inclui visita aos bairros destruídos

Com o objetivo de investigar a responsabilidade jurídica e socioambiental da mineradora Braskem no

Sem declarar IR cidadão não pode sequer receber prêmio de loteria que, acumulada, hoje sorteia

O prazo para entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (DIRPF) em

Risco de morte após a febre chikungunya continua por até 84 dias, diz Fiocruz

Em meio à epidemia de dengue e ao aumento de casos por febre chikungunya, um

Saúde volta a alertar alagoanos sobre medidas de prevenção contra a dengue

A Secretaria de Estado de Alagoas (Sesau) volta a alertar a população alagoana sobre

PF indicia filho de Bolsonaro por falsidade ideológica e lavagem de dinheiro

A Polícia Federal em Brasília indiciou Jair Renan Bolsonaro, filho do ex-presidente Bolsonaro, pelos

FAEC anuncia calendário anual de eventos esportivos para o público escolar

A Federação Alagoana de Esportes Colegiais (FAEC) anunciou o calendário anual de eventos para

Bar do Doquinha: o lar enluarado da boemia

Por Stanley de Carvalho* Há 60 anos, quando os portões de Brasília começaram a

Seduc anuncia processo seletivo para a Educação Especial

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) divulgou no último dia 6, no Suplemento

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *