terça-feira 28 de maio de 2024

SSP passa a receber denúncias de racismo e manipulação de resultados esportivos pelo 181

Ação de divulgação é promovida em conjunto com a Federação Alagoana de Futebol
Faixa de divulgação da campanha | Roberisson Xavier/Ascom

A Secretaria de Estado da Segurança Pública deu mais um passo no combate à criminalidade. Agora, o canal Disque-Denúncia conta com um espaço específico para receber informações que envolvam crimes de intolerância esportiva, racismo e manipulação de resultados em Alagoas. A ação é uma parceria com a Federação Alagoana de Futebol.

O objetivo da iniciativa, que especifica a natureza criminal, é que a população possa contribuir com a elucidação desses tipos de ocorrência de forma mais eficaz. De acordo com a chefe do canal informativo, Eliane Araújo, a nova opção de denúncia reforça o alcance do trabalho que já vem sendo desenvolvido e ressalta a importância da colaboração dos alagoanos no combate à criminalidade em todo o estado.

“É importante contar ainda mais com a população para combater todos os crimes, em especial, o racismo e a intolerância esportiva, que infelizmente temos visto registros em todo o mundo. Com a possibilidade de uma denúncia direcionada, a ação investigativa e preventiva também ganha mais um aliado na elucidação dos casos”, afirmou ela.

O Disque-Denúncia é um serviço da SSP-AL que auxilia de forma direta as forças policiais em suas atuações. Com esse canal, grandes apreensões e importantes prisões já foram feitas, como as dos suspeitos de tentar contra a vida de um torcedor do Clube de Regatas Brasil (CRB) nessa quinta-feira (3).

Qualquer cidadão pode fazer uma denúncia entrando em contato pelo número 181, acessando o site disquedenuncia.seguranca.al.gov.br ou pelo aplicativo Disque Denúncia AL. As denúncias são recebidas de forma anônima, impossibilitando que o denunciante seja identificado.

Para reforçar a importância deste serviço, a SSP e a FAF também promovem uma campanha, que foi iniciada durante o jogo entre CSA e Pouso Alegre/MG, pela 15ª rodada da Série “C” do Campeonato Brasileiro. Na ocasião, foi exibida uma faixa no campo do Estádio Rei Pelé com informações sobre o canal de comunicação.

O presidente da FAF enalteceu a importância dessa ação conjunta. “Em parceria com a SSP, agora temos a oportunidade de, através do Disque-Denúncia, denunciar os crimes cometidos no futebol pelo site, aplicativo ou pelo telefone 181. Seja manipulação de resultados, racismo, homofobia, violência, qualquer tipo de natureza que seja no futebol, o torcedor e o público em geral poderá fazer essa denúncia de forma anônima. Então, vamos continuar dando espaço para que os alagoanos vejam a importância do Disque-Denúncia”, disse ele.

Fonte: Agência Alagoas

Mais lidas

Marielle: a quem se destina a terra?

Por Eliane Brum, do portal Sumauma “Quem possui a terra possui o homem.” Essa

CPI da Braskem tem 35 dias para concluir investigação, que inclui visita aos bairros destruídos

Com o objetivo de investigar a responsabilidade jurídica e socioambiental da mineradora Braskem no

Sem declarar IR cidadão não pode sequer receber prêmio de loteria que, acumulada, hoje sorteia

O prazo para entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (DIRPF) em

Risco de morte após a febre chikungunya continua por até 84 dias, diz Fiocruz

Em meio à epidemia de dengue e ao aumento de casos por febre chikungunya, um

Saúde volta a alertar alagoanos sobre medidas de prevenção contra a dengue

A Secretaria de Estado de Alagoas (Sesau) volta a alertar a população alagoana sobre

PF indicia filho de Bolsonaro por falsidade ideológica e lavagem de dinheiro

A Polícia Federal em Brasília indiciou Jair Renan Bolsonaro, filho do ex-presidente Bolsonaro, pelos

FAEC anuncia calendário anual de eventos esportivos para o público escolar

A Federação Alagoana de Esportes Colegiais (FAEC) anunciou o calendário anual de eventos para

Bar do Doquinha: o lar enluarado da boemia

Por Stanley de Carvalho* Há 60 anos, quando os portões de Brasília começaram a

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *